Bailarina russa deixa o Bolshoi para se juntar ao Dutch National Ballet

Em um comunicado publicado na sua conta do Telegram, Smirnova disse que era contra a invasão da Ucrânia pela Rússia
JOB_03_REDES_SOCIAIS_EQL_AVATARES_QUADRADOS_PERFIL_v1-02
Primeira bailarina russa Olga Smirnova, ao lado de Vladislav Lantratov, durante apresentação do Bolshoi em Moscou (Foto: Sergei Karpukhin/Reuters)

A primeira bailarina russa Olga Smirnova, uma crítica da invasão da Ucrânia pela Rússia, deixou o Bolshoi e se juntará ao Dutch National Ballet, informou a companhia holandesa hoje (16).

“É um privilégio tê-la dançando com nossa companhia na Holanda — mesmo que as circunstâncias que levaram a essa mudança sejam incrivelmente tristes”, disse o diretor do Dutch National Ballet, Ted Brandsen, em comunicado.

Conheça a plataforma de educação financeira e emocional EQL Educar. Assine já!

Smirnova, de 30 anos, deixou a Rússia em março. Em um comunicado em sua conta do Telegram republicado pela trupe de dança holandesa, ela disse que era “contra a guerra com todas as fibras da minha alma”.

“Nunca pensei que teria vergonha da Rússia, sempre tive orgulho do talentoso povo russo, de nossas conquistas culturais e atléticas”, escreveu. “Mas agora sinto que uma linha foi traçada.”

Smirnova está agora na Holanda, confirmou um porta-voz do balé.

(Com Reuters)

Fique por dentro de todas as novidades da EQL

Assine a EQL News e tenha acesso à newsletter da mulher independente emocional e financeiramente

Baixe gratuitamente a Planilha de Gastos Conscientes

Compartilhar a matéria:

×