Principais notícias do mercado para quarta-feira

Otimismo nos Estados Unidos, preocupação com a inflação no Brasil e tudo que vai mexer com o mercado hoje (30)
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on email
JOB_03_REDES_SOCIAIS_EQL_AVATARES_QUADRADOS_PERFIL_v1-02
JOB_03_REDES_SOCIAIS_EQL_AVATARES_QUADRADOS_PERFIL_v1-02

As bolsas norte-americanas fecharam com uma leve alta após a divulgação de dados positivos para a economia do país em relação à confiança do consumidor e isso fez com que aumentasse o clima positivo sobre dados de emprego nos Estados Unidos, que será divulgado nesta semana. O S&P500 fechou com uma nova máxima histórica de 4.291 pontos, alta de 0,03 pontos.

O grande destaque foi o que tange empresas do setor de construção após ser divulgado que o preço das casas subiram mais de 14% nos Estados Unidos em comparação com o ano passado. Algumas cidades, como Seattle, apresentaram a maior alta anual dos preços já registrada.

OLHA SÓ: Principais notícias do mercado para terça-feira

Outro grande destaque ficou com as ações da Morgan Stanley, que subiram mais de 3% após o banco anunciar que vai dobrar seus dividendos trimestrais.

No Brasil, a bolsa apresentou uma leve queda de 0,08%, aos 127.507 pontos. O mercado ainda continua refletindo os impactos da segunda fase da reforma tributária, apresentada pelo governo na semana passada, e na preocupação com a alta da inflação.

Pela manhã, a Agência Nacional de Energia Elétrica definiu um reajuste na bandeira vermelha patamar 2, o que preocupou o mercado em relação à inflação no setor de energia elétrica.

Com esse cenário, o dólar fechou com alta de 0,28% aos R$ 4,94, se aproximando novamente do patamar de R$ 5.

A queda foi segurada pelas ações da Vale, que impediram a bolsa de apresentar uma baixa maior. O mercado acredita que a empresa irá se beneficiar com a expectativa de que as empresas siderúrgicas chinesas tentarão maximizar sua produção com minérios de ferro.

Carol Proença é estudante de Economia e especialista de investimentos certificada

Siga Elas Que Lucrem nas redes sociais:

Siga Elas Que Lucrem: