Principais notícias do mercado para sexta-feira

Queda do S&P500 e do Ibovespa, Eletrobrás e tudo que vai mexer com o mercado hoje
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on email

O mercado americano fechou majoritariamente em queda ontem (18). O S&P500 apresentou leve baixa de 0,04%, a 4.221 pontos. Esse cenário ainda é consequência das declarações feitas pelo Federal Reserve, banco central dos Estados Unidos.

Na última quarta-feira, o Federal Reserve declarou antecipação do aumento das taxas de juros dos Estados Unidos de 2024 para 2023, da projeção da inflação norte-americana desse ano para 3% (considerando que a projeção anterior era de 2,2%), sem divulgar uma prévia para a redução dos estímulos econômicos, algo que preocupa os investidores.

OLHA SÓ: Principais notícias do mercado para quinta-feira

No Brasil, a bolsa fechou em queda de 0,93%, a 128.057, com o impacto das preocupações do cenário internacional nos Estados Unidos após declarações do Federal Reserve e decisões do Copom sobre o aumento da taxa Selic. Apesar do aumento de 0,75% já ser esperado pelo mercado, isso abre portas para uma aceleração no processo de altas da taxa no Brasil, o que gera preocupações no mercado.

Entretanto, essas medidas mais contracionistas ajudaram a fortalecer o real e o dólar fechou com uma queda de 0,74%, fechando a R$ 5,02.

Outro destaque que afetou o mercado foi a queda do preço do petróleo no cenário global. O resultado causou uma desvalorização dos preços da Petrobrás, que ajudou a puxar o índice para baixo, já que a empresa possui uma grande influência no índice Bovespa.

Ontem (18), houve também a aprovação no Senado da Medida Provisória que permite a privatização da Eletrobrás, mas com alterações no texto. Com isso, o texto volta para a Câmara dos Deputados e a previsão é de que a votação ocorra na próxima segunda-feira. Lembrando que a validade da Medida Provisória encerra na terça-feira (22) e precisa ser aprovada até essa data.

Carol Proença é estudante de Economia e especialista de investimentos certificada

Siga Elas Que Lucrem nas redes sociais:

Siga Elas Que Lucrem: