Pergunte à especialista: como começar a investir

Fazer parte do mundo dos investimentos é mais fácil do que parece
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on email
JOB_03_REDES_SOCIAIS_EQL_AVATARES_QUADRADOS_PERFIL_v1-02
JOB_03_REDES_SOCIAIS_EQL_AVATARES_QUADRADOS_PERFIL_v1-02
abre_financas_mulher-fazendo-conta_twenty20photos_envatoelements
Dicas para começar a investir com inteligência

Quando falamos sobre investimentos, os termos, dados e informações podem parecer confusos para quem está começando, e investir parece uma missão impossível. No entanto, o assunto é bem mais simples e acessível do que parece, mas é necessário entender o básico para dar os primeiros passos.

Para provar isso, a Elas Que Lucrem vai responder as cinco principais dúvidas das pessoas em relação ao tema. No final, você vai perceber que também pode ingressar no mundo dos investimentos.

OLHA SÓ: Pergunte à especialista: 5 dúvidas sobre fundo imobiliário

Por onde eu começo a estudar?

Para quem está começando, a dica é aproveitar os conteúdos gratuitos disponíveis na internet. Existem diversos materiais em sites e redes sociais que ensinam o beabá de forma simples e prática.

Em relação aos conteúdos, é interessante entender primeiro como controlar as finanças e, depois, começar a estudar sobre os produtos de investimentos propriamente ditos.

Como colocar as finanças em ordem?

Primeiramente, é necessário entender de quanto é a sua renda, os seus gastos e como eles estão divididos – aluguel, contas, supermercado, lazer etc. A forma mais prática de fazer isso é por meio de uma planilha onde é contabilizado tudo que entra e sai. Dessa forma, é possível entender quanto sobra no final do mês, planejar seus investimentos e detectar excesso de despesas caso precise economizar.

Em seguida, é necessário respeitar uma regra básica: nunca gastar mais do que você recebe. Essa afirmação pode parecer óbvia, mas é fundamental para evitar o endividamento. Além disso, é recomendável garantir uma reserva no final do mês, afinal, imprevistos e emergências acontecem.

Qual é a melhor corretora de investimentos?

Não existe uma resposta única para essa questão. Assim como em outros setores, cada empresa é única e tem seus diferenciais (como produtos, serviços e taxas). A melhor corretora é aquela que entrega os serviços que você precisa (carteiras recomendadas, consultorias e relatórios) pelo melhor preço e melhor avaliação. Faça uma pesquisa e compare o que as corretoras que estão no mercado oferecem, as taxas cobradas e os comentários dos usuários.

Posso começar com pouco dinheiro?

Sim. Produtos como ações, tesouro direto e fundos de investimentos possuem valores diferentes, mas geralmente acessíveis. O ideal é criar o hábito de investir todos os meses, mesmo que o valor não seja alto.

Como criar o hábito de investir todos os meses?

Como qualquer hábito, investir regularmente exige disciplina e planejamento. Para criar uma rotina, a maneira mais prática é definir metas e uma data específica para aplicar seu dinheiro. Você pode estipular, por exemplo, que aportará R$ 200 sempre no dia 5 de cada mês. É necessário desenvolver a disciplina. Mas acredite: a recompensa vai fazer esse trabalho valer a pena.

Quer participar do próximo “Pergunte à especialista”? Mande sua dúvida para o perfil @elasquelucrem no Instagram ou para o e-mail [email protected].

Carol Proença é estudante de economia e especialista de investimentos certificada

Siga Elas Que Lucrem nas redes sociais:

Siga Elas Que Lucrem: