Lucro do Baidu supera expectativas com demanda por IA e nuvem

Receita no terceiro trimestre foi de 31,92 bilhões de iuanes
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on email
JOB_03_REDES_SOCIAIS_EQL_AVATARES_QUADRADOS_PERFIL_v1-02
JOB_03_REDES_SOCIAIS_EQL_AVATARES_QUADRADOS_PERFIL_v1-02

O chinês Baidu superou as estimativas dos analistas para receita e lucro ajustado no trimestre, conforme dados divulgados hoje (17), ajudado pela maior demanda por sua inteligência artificial (IA) e produtos em nuvem.

Chamado de ‘Google da China’, o Baidu investiu em IA, nuvem e direção autônoma para complementar seu negócio principal de busca, que foi pressionado pela concorrência e uma repressão regulatória. Em 2020, lançou serviços de táxis-robôs em Pequim.

Conheça a plataforma de educação financeira e emocional EQL Educar. Assine já!

A receita no terceiro trimestre foi de 31,92 bilhões de iuanes (US$ 5 bilhões) contra estimativas de 31,71 bilhões de iuanes. Em uma base ajustada, o lucro foi de 14,66 iuanes por ADS, acima das expectativas de 12,81 iuanes.

“O Baidu Core entregou outro trimestre sólido, impulsionado por nossa receita de nuvem e IA crescendo 73% ano a ano”, disse Rong Luo, vice-presidente financeiro da companhia.

O maior segmento do Baidu, o marketing online, cresceu 6% neste trimestre. No entanto, a taxa de crescimento vem desacelerando nos últimos dois trimestres.

A empresa espera que a receita do trimestre atual fique entre 31 bilhões e 34 bilhões de iuanes, próximo à expectativa dos analistas de 32,60 bilhões de iuanes, de acordo com dados Refinitiv IBES.

Sua afiliada de streaming, iQIYI, que viu seus assinantes chegarem a 104 milhões em setembro, também divulgou um aumento de 6% na receita durante o trimestre.

(Com Reuters)

Fique por dentro de todas as novidades da EQL

Assine a EQL News e tenha acesso à newsletter da mulher independente emocional e financeiramente

Baixe gratuitamente a Planilha de Gastos Conscientes

Siga Elas Que Lucrem nas redes sociais:

Siga Elas Que Lucrem: