BB assina acordo com banco dos Brics para destinar até R$ 1,5 bilhões ao agronegócio

Paulo Guedes disse que o recurso faz parte da missão de alavancar os investimentos no Brasil
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on email
JOB_03_REDES_SOCIAIS_EQL_AVATARES_QUADRADOS_PERFIL_v1-02
JOB_03_REDES_SOCIAIS_EQL_AVATARES_QUADRADOS_PERFIL_v1-02

O Banco do Brasil assinou hoje (28) um acordo com o Novo Banco de Desenvolvimento (NDB), como é chamado o banco dos Brics (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul), para captar recursos no exterior visando liberar montantes para investimentos na agricultura brasileira.

“Vamos assinar uma parceria com o NDB… para recursos de longo prazo que podem chegar a até R$ 1,5 bilhão, para a construção de silos e armazéns, irrigação e energia renovável”, disse o presidente do BB, Fausto Ribeiro, durante cerimônia sobre a atuação do banco no Plano Safra.

OLHA SÓ: Estoque total de crédito no Brasil sobe 1,2% em maio

“Vamos trazer mais dinheiro para o Plano Safra oferecendo condições atrativas para que os produtores possam ampliar a armazenagem… o que traz mais competitividade para o agronegócio”, declarou.

O presidente do NDB, o brasileiro Marcos Troyjo, assinou da China um memorando de entendimento para o acordo. “É uma grande honra”, afirmou durante participação no evento. Também presente na cerimônia, o ministro Paulo Guedes (Economia) disse que o projeto faz parte da missão de Troyjo de alavancar os investimentos do NBD no Brasil.

(Com Reuters)

Siga Elas Que Lucrem nas redes sociais:

Siga Elas Que Lucrem: