Estilo atemporal: como estar sempre na moda sem mexer no bolso a cada estação

Peças curingas são a chave para um guarda-roupa estiloso e uma postura de consumo financeiramente consciente
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on email
JOB_03_REDES_SOCIAIS_EQL_AVATARES_QUADRADOS_PERFIL_v1-02
JOB_03_REDES_SOCIAIS_EQL_AVATARES_QUADRADOS_PERFIL_v1-02
Estilo atemporal: como estar sempre na moda sem mexer no bolso a cada estação
Quando uma peça fizer sentido para você no longo prazo, uma boa alternativa para fazê-la durar o tempo esperado é comprar itens de boa qualidade, o que não significa ir na loja mais cara

Amanhã (21), começa o inverno de 2021. E, junto com ele, vem a saga de tirar aquelas roupas mais pesadas do fundo do armário para enfrentar as baixas temperaturas. 

Mas não é só isso. Mudança de estação também significa novas coleções de roupas, acessórios e sapatos. Com isso, surge aquele bombardeio de anúncios de lojas com peças da moda, publicidades de influenciadoras nas redes sociais, fotos super produzidas com tudo que há de mais atual. Bastante informação, não é?

OLHA SÓ: 7 passos para renovar o guarda-roupa sem gastar muito

Esse excesso de mensagens que se repetem em todas as plataformas de mídia, gera uma necessidade que na verdade não é tão necessária assim: comprar, comprar, comprar e estar por dentro da moda, que é bem passageira. 

Aqui é preciso muito cuidado. Como diz a colunista de moda e estilo da Elas Que Lucrem, Marcia Paron, antes de canalizar todos os seus recursos adquirindo peças da moda é preciso refletir. Não apenas pensar no preço do produto de desejo, mas também tentar entender se ele se encaixa na sua forma de ser, nas suas necessidades, além de ter um olhar mais atento ao seu comportamento. Será que daqui um ou dois anos essa peça tão desejada agora ainda fará sentido para você?

Consumir de forma financeiramente consciente é a chave para evitar que o dinheiro vá para o ralo sem nem ao menos entendermos o que aconteceu. Além de mandar embora de vez aquelas compras desnecessárias e que podem gerar até arrependimento assim que você desembala o pacote e experimenta a peça.

Por isso, antes de surfar na onda do consumir agora e deixar de usar amanhã, separamos algumas sugestões para esta estação que podem ser aproveitadas por muitos anos, por serem peças curingas versáteis e atemporais. Assim, você nunca estará fora de moda e, com certeza, seu bolso também vai agradecer.

Fica aqui mais um lembrete: quando uma peça fizer sentido para você no longo prazo, uma boa alternativa para fazê-la durar o tempo esperado é comprar itens de boa qualidade, o que não significa ir até a loja mais cara. Muitos brechós trabalham com curadoria de peças e aquela marca desconhecida também pode trabalhar com produtos de boa qualidade. Pesquise, consulte e compare sempre.

Veja a seguir, peças curingas para estar na moda em todos os invernos:

Tênis branco

O tênis branco é uma peça que vai bem com tudo. Ele sempre está por aí, nos pés de quem mais entende de moda. Os modelos variam, mas a cor permanece. Por isso, escolha uma versão que tenha a ver com você e que possa combinar com o que já tem no seu guarda-roupa. 

E AINDA: 4 passos para fortalecer seu verdadeiro eu

Ele vai bem com calça jeans, saia, shorts jeans ou de alfaiataria, macacões e até vestidos. A proposta dele, é sempre um look mais despojado, o que não significa desleixado ou deselegante, e vai super bem com outras peças, sejam elas curingas ou não.

Botinha preta

As botas sempre são uma boa pedida para o outono e inverno. O modelo do momento são os coturnos, o que não quer dizer que as outras perderam seu valor. Uma versão que sempre cai bem e pode ser combinada com os mais variados tipos de roupa, é a bota preta de cano curto. O salto fica a seu critério: pode ser baixo ou mais alto. Uma boa pedida de conforto é apostar no salto quadrado.

Blusa camisa e camiseta

Elas são a base para qualquer look atemporal. De grande versatilidade, as camisas, blusas de manga longa e camisetas podem combinar com qualquer peça, de qualquer cor. Aqui o segredo é ter versões variadas, mas básicas. Elas podem ser com gola alta, gola mais aberta; nas cores branca, preta, cinza, nude e off-white; e de variados tecidos: do algodão, ao linho e lã.

Elas podem ser combinadas com jaquetas jeans, de couro, blazers e até usadas com sobreposição de macacões, vestidos e coletes.

Blazer

O bom e velho blazer é aquela peça capaz de trazer requinte a qualquer combinação. Ele vai bem com absolutamente tudo: vestidos mais sequinhos, camiseta e calça jeans ou saia, macacão e até shorts.

O segredo é apostar em uma modelagem mais comprida e em cores ou estampas que estão sempre na manga de um look certeiro, como preto, bege, azul marinho, off-white, e até xadrez. 

Jaqueta de couro preta

Dos anos 1950 para a eternidade. Elas sempre estão entre as peças de inverno e nunca ficam para trás. Com certeza, um investimento duradouro e muito versátil. Ela pode ser usada com calças jeans, saias, camisas e camisetas. Apostar nela é apostar em um certo drama urbano. Ela confere personalidade e intensidade ao look.

Jeans

Peças jeans são sempre bem-vindas em todas as estações e coleções. Aqui o segredo é apostar no equilíbrio. Nem no grande/largo ou justo/curto. 

LEIA AQUI: Aparência e essência

Quando o assunto são as jaquetas, prefira aquelas de lavagem média, na altura do quadril e de corte reto. Para as calças, vale o mesmo: lavagem média e corte reto porque ele traz versatilidade e estilo: pode ser usado com a barra dobrada ou não, e confere uma certa elegância que os modelos justos não comportam.

A saia jeans, camisas e o shorts também podem ser peças curingas quando seus cortes são retos e não muito curtos.

As peças combinam super bem com um cinto preto básico e sem muitos detalhes.

Calça de alfaiataria

Atemporal e elegante. Ela pode ser combinada com salto e o bom e velho tênis branco. Quando usada com camisa, traz requinte sem tirar o estilo. Quando usada com camiseta, traz um ar urbano e despojado. Prefira as de cores neutras e cortes retos para garantir que possam ser usadas em diversas ocasiões. O xadrez e geométrico também vão bem.

Vestido preto

O queridinho de todas as épocas! Mais um item que pode ser usado das mais variadas formas possíveis quando bem escolhido. Prefira um corte levemente desenhado na cintura e de comprimento médio para poder combiná-lo com salto, blazer, tênis, bota, jaqueta jeans ou de couro. No inverno, pode ser usado com uma meia-calça preta fina e bota, sem perder o estilo.

Scarpin 

O segredo para aquele look mais requintado ou para ocasiões que exigem mais seriedade e produção, sem abrir mão do estilo. Ele vai bem com todas as peças curingas e pode conferir um toque a mais de personalidade se a escolha for por um par colorido –mas lembre de escolher uma cor que acompanhe sua personalidade sempre. Ele pode ser no preto, branco, nude e até vermelho.

Siga Elas Que Lucrem nas redes sociais:

Siga Elas Que Lucrem: