Assine nossa newsletter

Recordista mundial de atletismo do Quênia é encontrada morta em casa

Agnes Jebet Tirop, 25 anos, foi esfaqueada no abdômen; principal suspeito do crime é o marido dela, que está foragido
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on email
Agnes Jebet Tirop, 25 anos, foi esfaqueada no abdômen (Via: Reprodução/Twitter)

A corredora queniana Agnes Jebet Tirop, 25 anos, foi encontrada morta hoje (13) dentro de sua própria casa na cidade de Iten, no Quênia. A atleta, atual recordista mundial dos 10 mil metros, foi esfaqueada no abdômen, segundo comunicado da federação de atletismo do país. Até agora, o principal suspeito do crime é o marido dela, que continua foragido. 

De acordo com o comunicado, os vizinhos da atleta teriam ouvido uma discussão vinda da casa na noite de ontem (12). Mas quando foram procurar por Agnes nesta manhã, identificaram o corpo sem vida. 

LEIA MAIS: Dia Nacional de Luta contra a Violência à Mulher: 4 celebridades que se posicionam sobre o tema

A federação do esporte afirmou que ainda está trabalhando para descobrir mais detalhes sobre a morte. “O Quênia perdeu uma joia, que era uma das gigantes do atletismo em ascensão mais rápida no cenário internacional”, afirmou a entidade. 

No auge da carreira, a corredora tinha quebrado o recorde mundial há menos de um mês, na Alemanha, quando superou o tempo da marroquina Asmae Leghzaoui em 28 segundos. Agnes também foi medalhista de bronze nos mundiais de 2017 e 2019, além de ter ficado em quarto lugar na prova de 5 mil metros na Olimpíada de Tóquio. 

Fique por dentro de todas as novidades da EQL

Assine a EQL News e tenha acesso à newsletter da mulher independente emocional e financeiramente

Baixe gratuitamente a Planilha de Gastos Conscientes

Participe da live Meu Primeiro Investimento

Siga Elas Que Lucrem nas redes sociais:

Siga Elas Que Lucrem:

Assine nossa newsletter